15-mar-2012 às 15:37

    Ventilação não Invasiva por Dois Níveis de Pressão é Efetiva na Insuficiência Cardíaca Crônica Agudizada

    [addtoany]

    Non-invasive bilevel pressure is effective in an acute chronic heart failure

    Edilete Schafascheck1, Renata Campos2, Juliano Tibola3

    RESUMO

    A insuficiência cardíaca é uma síndrome sistêmica, que causa inadequado suprimento sanguíneo para atender necessidades metabólicas tissulares. Além do comprometimento cardíaco de base, existe a interação com o pulmão, causando a falência cardio-pulmonar. A ventilação mecânica não invasiva (VMNI) tem sido utilizada como uma terapêutica de suporte em pacientes cardiopatas, contudo seus efeitos na função hemodinâmica e respiratória a longo prazo, têm sido pouco estudados. O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos hemodinâmicos e respiratórios na Insuficiência Cardíaca Crônica Agudizada (ICCrA), com o uso da VMNI, no modo BIPAP. Foram incluídos seis pacientes com ICCrA internados na UTI do Hospital São Vicente de Paulo, Mafra/SC. A VMNI foi utilizado no modo BIPAP a cada 8 horas, em sessões de 20 minutos cada, por 24 horas. As variáveis analisadas foram gasometria arterial, monitorização hemodinâmica e respiratória, eletrocardiograma e gasometria arterial. As variáveis foram analisadas em três períodos: pré, após 20 minutos da VMNI e após 24 horas do início da VMNI. Não observamos mudanças significativas na FC, após 24 horas com uso da VMNI. Contudo, a freqüência respiratória diminuiu (p = 0,003) indicando a melhora da função respiratória. Não foram achadas alterações eletrocardiográficas associadas ao uso da VMNI. A gasometria arterial mostrou a estabilização dos gases arteriais após uso da técnica. A VMNI, modo BIPAP foi eficiente para estabilizar o quadro hemodinâmico e respiratório, sem relacionar-se a eventos cardíacos isquêmicos.

    Palavras-chaves: ventilação mecânica, insuficiência cardíaca, função respiratória, BIPAP.

    ABSTRACT

    Heart failure is a systemic syndrome, which causes inadequate blood supply to tissue metabolic needs. In addition, there is an interaction with the lung, causing cardio-pulmonary failure. The noninvasive mechanical ventilation (NIMV) has been used as a supportive therapy in patients with cardiac disease; however the NIMV on hemodynamics and respiratory function in the long term not has been extensively studied. The aim of this study was evaluate the effects evaluate the hemodynamic and respiratory effects with non-invasive bilevel pressure mode (BIPAP) in acute chronic heart failure (ACHF). The study included six patients with ACHF in the ICU of Hospital São Vicente de Paulo Mafra / SC. The BIPAP mode was used every 8 hours in sessions of 20 minutes each per 24 hours. The variables analyzed were arterial blood gases, hemodynamic and respiratory monitoring and arterial blood. The electrocardiogram was also evaluated. The variables were analyzed in three periods: before, after 20 minutes of NIMV and 24 hours after the start of NIMV. We did not observe significant changes in HR after 24 hours with use of NIMV. However, improved respiratory rate decreased (p = 0,003), showing the improvement of respiratory function. Electrocardiographic changes were not found associated with the use of NIMV. Arterial blood gases showed maintenance of blood gases after use of NIMV. BIPAP mode was efficient to stabilize the hemodynamic and respiratory systems, without relating to cardiac ischemic events.

    Keywords: mechanical ventilation, heart failure, respiratory function, BIPAP.

    SOBRE OS AUTORES

    1. Faculdade Inspirar, Florianópolis, Santa Catarina e Hospital São Vicente de Paulo, Mafra, Santa Catarina;
    2 . Fisioterapeuta, Universidade do Contestado, Mafra, Santa Catarina
    3. Fisioterapeuta, Faculdade Inspirar, Florianópolis, Santa Catarina

    Recebido: 01/2012
    Aceito: 02/2012
    Autor para correspondência:
    Renata Campos
    Avenida Nereu Ramos, 1071, Mafra/SC
    Email: [email protected]

    Deixe um comentário