Você esta em:
0800 602 2828 | WhatsApp (41) 99900-5734
    13-maio-2010 às 21:47

    Fatores Estressores para Profissionais de Enfermagem que atuam em uma Unidade de Terapia Intensiva

    [addtoany]

    Stressing factors on Nursing Professionals that act on Intensive Therap

    Julita Royer Garcia¹, Salete de Araujo¹, Elaine Rossi Ribeiro²

    Resumo

    Trata-se de uma investigação bibliográfica realizada em bases de dados tais como Medline, Lilacs, Scielo, a partir do ano de 2000. Esse estudo levou-nos a compreender o estresse em diferentes ocupações do profissional de enfermagem, que trabalha em Unidade de Terapia Intensiva, concretizando nosso objetivo em fazer uma análise dos fatores causadores de estresse nestes profissionais. Pudemos visualizar e confirmar a existência de inúmeras fontes geradoras de estresse, que interagem no trabalho tais como; angústia intensa, originária do confronto diário com o sofrimento, dor, angústia dos pacientes, familiares e morte. Como também tecnologias modernas, ruídos constantes, jornadas de trabalho sobrepostas, relacionamento com a equipe multidisciplinar, falta de recursos humanos e materiais, ausência de autonomia, baixos salários, freqüentes situações de emergência.

    Palavras-chave: Estresse, Enfermagem e UTI.

    Abstract

    This is a literature research conducted through studies in books and scientific papers,such as Medline, Lilacs and Scielo, published since the year of 2000 .This study has led us to understand the stress in different occupations of professional nursing in Intensive Unit Care,carrying out our aim to make an analysis of the leading factors to stress in these professionals.The end of this study could confirm the existence of many sources of stress that interact in work,such as: intense anguish originated from daily confrontation with suffering, pain and patient anguish,family and death either modern
    technologies, constant noise, overlapping days of work,relationship with the multidisciplinary team, lack of human and material resources,iack of autonomy, low payment,frequent emergency situations.

    Key words: Stress, nursing, Intensive treatment unit.

    Sobre os Autores

    1. Enfermeira Especialista em Unidade de Terapia Intensiva Multiprofissional .

    2. Enfermeira, Doutor em Clínica Cirúrgica, Diretora do Instituto de Administração

    Pública de Curitiba, Docente do IBPEX.
    Recebido:
    maio de 2009
    Aceito: maio de 2009
    Autor para correspondência:
    Email: [email protected]

    Deixe um comentário