17-dez-2016 às 12:44

    O USO DA DANÇA COMO ESTRATÉGIA DE TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICO PARA INDIVÍDUOS COM DOENÇA DE PARKINSON: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA

    [addtoany]

    A doença de Parkinson (DP) é uma afecção neurodegenerativa crônica e progressiva dos gânglios da base que causa desordens da postura e do movimento acarretando em várias alterações levando o indivíduo à inatividade.

    Dance Use as Physiotherapeutic Treatment Strategy for Individuals with Parkinson’s Disease: A Systematic Review

    Elio Stein Jr1, Silvia Claudinéia Maidanchen2

    RESUMO

    A doença de Parkinson (DP) é uma afecção neurodegenerativa crônica e progressiva dos gânglios da base que causa desordens da postura e do movimento acarretando em várias alterações levando o indivíduo à inatividade. A fisioterapia geralmente é prescrita associada aos fármacos. A dança é uma estratégia fisioterapêutica alternativa ideal para reabilitação, pois integra atividades sensório-motoras com estímulos audiovisuais e ainda promove a socialização. O objetivo deste estudo foi apresentar a dança como recurso fisioterapêutico e seus benefícios para indivíduos com DP. Estudo de revisão sistemática com buscas nas bases de dados eletrônica LILACS, PEDro, PubMed e SciELO.  Nos resultados de um total de 406 artigos, 394 foram excluídos por não atenderem os critérios de inclusão e exclusão. Aos 12 restantes foi aplicada a Escala de PEDro, restando ao final 5 estudos para esta revisão. Evidências científicas apontam que a dança como um exercício aeróbico através do seu papel neuroprotetor, e pela complexidade exigida pela sequência de movimentos ritmada pela música, proporciona melhorias no que se refere à severidade da doença, mobilidade, postura, equilíbrio estático e dinâmico, coordenação, marcha e congelamento da marcha, disposição, cognição espacial, interação social, boa adesão ao tratamento e, sobretudo na qualidade de vida e saúde do indivíduo com DP. Conclui- se que a dança é uma estratégia fisioterapêutica que traz benefícios cognitivos e motores, promove a socialização que reflete na melhoria da qualidade de vida do indivíduo com DP.

    Palavras-Chave: Doença de Parkinson, dança/dançar, fisioterapia.

    ABSTRACT

    The Parkinson´s Disease (PD) is a chronic and progressive neuro-degenerative condition of the basal ganglia which causes posture and movement disorders which brings about several changes leading the individual to inactivity. Physiotherapy is usually prescribed, associated with drugs. Dancing is an alternative physiotherapeutic strategy for the rehabilitation, for it integrates motor-sensory activities, along with audio-visual stimulation, and even promoting the socialization. The objectives for this study are introduce dancing as a physiotherapeutic resource, and its benefits for Parkinsonians. Study of Systematic Review based upon searches at the Electronic Data Base at the LILACS, PEDro, PubMed and SciELO. In the results, adopting the Inclusion and Exclusion criteria, from a total of 406 articles, 394 were excluded for not fitting in. To the remaining 12, the PEDro Scale was applied, leaving out 5 studies for the herein review. Scientific evidences indicate that dancing as an aerobic exercise through its neuroprotecting role, and due to the complexity demanded by the rhythmic movement sequence dictated by music, provide improvements to the disease severity, mobility, posture, static and dynamic balance, coordination, gait and the freezing of gait, mood, spatial cognition, social interaction, better treatment adherence, and above all, over the life and health quality of PD Individuals. It follows that dance is a physiotherapeutic strategy which brings about cognitive and motor benefits, promotes socialization which therefore, reflects in the improvement of the life quality of a PD individual.

    Keywords: Parkinson´s Disease, Dance/Dancing, Physiotherapy.

    SOBRE OS AUTORES

    1. Fisioterapeuta, Docente do Curso de Fisioterapia Faculdade Paranaense FAPAR/ Curitiba – PR
    2. Acadêmica do Curso de Fisioterapia Faculdade Paranaense FAPAR/ Curitiba – PR

    AUTOR CORRESPONDENTE

    Élio Stein Jr-

    Endereço: Rua padre Agostinho 2885 Ap 501 Torre Barigui- Mercês-Curitiba PR

    CEP 80710-000-

    E-mail: [email protected]

    Deixe um comentário