14-maio-2014 às 10:49

    INFLUÊNCIA DO INCENTIVO NO DESENVOLVIMENTO DE FORÇA MÁXIMA

    [addtoany]

    The influence of encouragement in maximal strength development

     

    Alexandre de Cerqueira Santos1, Rodrigo Domingos dos Santos Silva1, Thiago de Souza Rimar1, Leslie Andrews Portes2, Natália Cristina de Oliveira3

     

    A prática de exercícios com pesos vem crescendo a cada dia e se tornou parte do cotidiano de muitas pessoas. Além da questão estética, ela contribui para a melhoria do condicionamento físico e redução do risco de desenvolver algumas doenças.

    RESUMO

    Contextualização: A prática de exercícios com pesos vem crescendo a cada dia e se tornou parte do cotidiano de muitas pessoas. Além da questão estética, ela contribui para a melhoria do condicionamento físico e redução do risco de desenvolver algumas doenças. Objetivo: Analisar a influência do incentivo (música + incentivo verbal) no desenvolvimento da força máxima, em comparação com o silêncio. Métodos: Foram selecionados dez participantes do sexo masculino, com idades entre 20 e 25 anos, praticantes de musculação há no mínimo um ano. Eles foram submetidos a testes indiretos de uma repetição máxima, com ou sem estímulo (música + incentivo verbal), em dias diferentes, com uma semana de intervalo entre eles. Resultados: Os resultados de 1RM no exercício supino foram significantemente maiores na presença de incentivo que quando em silêncio (p < 0,05). Nos demais exercícios não foram verificadas diferenças significantes entre as situações analisadas. Conclusão: A música e o incentivo verbal influenciaram positivamente o desempenho nos testes de força máxima.

    Palavras Chave: motivação; treinamento de resistência; adultos jovens.

    ABSTRACT

    Background: The practice of resistance training has been increasing lately and is becoming a part of many people’s routine. Besides aesthetics, it contributes to physical fitness improvement and reduction of risks of some diseases. Objective: To analyze the influence encouragement (music + verbal encouragement) in strength development, in comparison to silence. Methods: Ten male participants were selected, ageing 20 to 25 years old, practitioners of resistance training for at least one year. They were submitted to indirect one repetition maximum tests, with or without encouragement (music + verbal encouragement), on different days, a week apart from each session. Results: Results of 1RM in bench press exercise were significantly higher in the presence of encouragement than when executed in silence (p < 0.05). In all other exercises we did not verify significant differences between the situations analyzed. Conclusion: Music and verbal encouragement represented a positive influence in maximal strength tests performance.

    Keywords: motivation; resistance training; young adult.

    Recebido: 01/2014
    Aceito: 04/2014

    Sobre o autor:

    1. Profissional de Educação Física, graduado pelo Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP), São Paulo, SP, Brasil.
    2. Mestre e Doutorando, Docente do Mestrado em Promoção da Saúde do UNASP (Centro Universitário Adventista de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil). Líder do Grupo de Pesquisas em Exercício Físico, Estilo de Vida e Promoção da Saúde (UNASP). Coordenador do Laboratório de Fisiologia do Exercício (Lafex, UNASP). Docente dos cursos de Bacharelado e Licenciatura do UNASP.
    3. PhD, Docente do Mestrado em Promoção da Saúde do UNASP (Centro Universitário Adventista de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil). Líder do Grupo de Pesquisas em Exercício Físico, Estilo de Vida e Promoção da Saúde (UNASP). Docente dos cursos de Bacharelado e Licenciatura do UNASP.

     Autor para correspondência:

    Natália Cristina de Oliveira
    Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP) / Educação Física
    Estrada de Itapecerica, 5859, Edifício Universitário
    E-mail: [email protected]

    Deixe um comentário