22-fev-2017 às 16:19

    FATORES DE RISCO PARA DOENÇA ARTERIAL CORONÁRIA DO CORPO DE BOMBEIROS DO MUNICÍPIO DE RIO VERDE-GO

    [addtoany]

    O corpo de bombeiros tem como missão básica a prevenção da vida, do meio ambiente e do patrimônio, além de exercer atividades com preservação da ordem pública e atividades de defesa civil, como: prevenção e extinção de incêndios, proteção e salvamento de vidas, catástrofes e calamidades públicas.

    Risk factors to coronary artery of fire department the city of Rio Verde – GO

    Rubia Cotarelli Ribeiro Guareschi¹, Fernando Duarte Cabral2, Adriana Vieira Macedo Brugnol¹, Marcelo Gomes Judice1, Renato Canevari Dutra da Silva1

    RESUMO

    O corpo de bombeiros tem como missão básica a prevenção da vida, do meio ambiente e do patrimônio, além de exercer atividades com preservação da ordem pública e atividades de defesa civil, como: prevenção e extinção de incêndios, proteção e salvamento de vidas, catástrofes e calamidades públicas. Contudo, são profissionais de que se espera uma boa saúde física e mental.  A doença arterial coronariana (DAC) é uma das principais causas de morbimortalidade no mundo, sendo que a investigação dos fatores de risco, bem como seu manejo tem sido foco de investigação nas ultimas décadas em diversas populações. Objetivo: Identificar neste estudo os principais fatores de risco para a DAC na população do corpo de bombeiros do município de Rio Verde-GO. Método: As avaliações dos fatores de risco foram realizadas com 27 soldados do 4º Grupamento de Bombeiros do município de Rio Verde. Tais investigações constaram de avaliação do nível de atividade física, grau de dependência à nicotina, ansiedade e depressão, bem como avaliação da idade, Índice de massa corpórea (IMC), pressão arterial sistólica e diastólica, além de possíveis correlações. Resultados: Dentre os fatores de riscos para DAC, o IMC alto e a ansiedade são os que mais afetam os indivíduos avaliados. Nas análises constatou que houve correlação significativa entre o nível de atividade física e a idade. Considerações finais: Conclui-se que dos fatores de risco para DAC investigados na amostra, os mais prevalentes foram a obesidade e a ansiedade. Quanto às correlações observou que quanto maior a idade menor é o nível de atividade física, podendo assim aumentar a probabilidade da ocorrência da DAC.

    Palavras-Chave: Bombeiros, Saúde do Trabalhador, Doença das Coronárias.

    ABSTRACT

    The fire department has as its basic mission the prevention of life, the environment and heritage, as well as carrying out activities with preservation of public order and civil defense activities, such as fire prevention and extinction, protection and rescue of lives, catastrophes and public calamities. However, it is expected physical fitness and mental health balance. Coronary artery disease (CAD) is one of the main causes of morbidity and mortality in the world. Investigation of risk factors, as well as its management has been the focus of many researches in the past decades in a variety of populations. Objective: identify the main risk factors for CAD within the Fire Department of the city of Rio de Verde-GO. Methodology: risk factor assessments were performed with 27 fire fighters of the 4th Group of Firefighters of the city of Rio de Verde-GO. The goals were to survey levels of physical activity, degree of nicotine addiction, anxiety and depression, age assessment, body mass index (BMI), blood pressure and possible correlations within. Results: among the risk factors for CAD, high BMI and high anxiety levels were those that most affected the individuals assessed. Considering the findings, a significant correlation between age and levels of physical fitness. Final considerations: it was concluded that within the risk factors for CAD investigated in the sample, the most prevalent were obesity and anxiety; and regarding the correlations, it was observed that the higher the age the lower the level of physical performance, which could increase the probability of the occurrence of CAD.

    Keywords: Firefighters, Occupational Health, Coronary Disease. 

    SOBRE OS AUTORES

    1. Universidade de Rio Verde – UniRV.
    2. Hospital Municipal Universitário de Rio Verde-GO.

     

    AUTOR CORRESPONDENTE

    Renato Canevari Dutra da Silva

    Rua RC11 Qd.09 Lt.”C” Residencial Canaã Rio Verde-GO.

    [email protected]

    Deixe um comentário