10-dez-2018 às 17:47

    FATORES DE EXACERBAÇÃO NA DOENÇA PULMONAR OBSTRUTIVA CRÔNICA: UMA REVISÃO DA LITERATURA

    [addtoany]
    A doença pulmonar obstrutiva crônica pode ser definida como uma doença prevenível e tratável, mas não totalmente reversível.

    Factors of exacerbation in chronic obstructive pulmonary disease: a review of the literature

    Gláucia Z. Stumm¹, Tatiane Paludo¹, Claudia Caldart²

     

    RESUMO

    A doença pulmonar obstrutiva crônica pode ser definida como uma doença prevenível e tratável, mas não totalmente reversível. A piora dos sintomas caracteriza as chamadas exacerbações,
    que são a principal causa de óbitos nestes indivíduos. O objetivo deste estudo foi identificar os fatores de exacerbação na DPOC. Para a revisão integrativa da literatura foi realizada uma busca eletrônica nas bases de dados Pubmed, Lilacs, Scielo e PEDro a partir das palavras chave Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica AND Exacerbação. Foram incluídos artigos originais publicados no período compreendido entre janeiro de 2010 a junho de 2016, nos idiomas português e inglês, disponíveis na forma free full text. De um total de 6.909 artigos encontrados nas
    bases de dados antes da aplicação dos filtros, 28 foram selecionados para inclusão final no presente estudo. Os estudos foram realizados em quatro continentes, abrangendo 16 países, sendo a maioria desenvolvidos na Europa. As pesquisas apresentaram grande variabilidade em relação ao tamanho da amostra incluindo de 30 a 58.589 indivíduos, que eram predominantemente do gênero masculino, com idade ≥ 40anos. Concluiu-se que os fatores de risco para exacerbação da DPOC mais abordados são exacerbações no ano anterior, idade avançada, baixo índice de massa corporal, gênero feminino, baixo volume expiratório forçado no primeiro segundo, DPOC mais grave (classificação GOLD III e IV) e pior qualidade de vida

    Palavras-chave: Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica, Exacerbação, Fisioterapia.

     

    ABSTRACT

    Chronic obstructive pulmonary disease may be defined as a preventable and treatable disease, however not fully reversible. The worsening of symptoms characterizes the so-called exacerbations, which are the main cause of death in such individuals. The objective of this study was to identify factors of exacerbation in COPD. For the integrative review of the literature, an electronic search was performed in the databases Pubmed, Lilacs, Scielo and PEDro based on the key words Chronic Obstructive Pulmonary Disease AND Exacerbation. Original articles published in the period between January 2010 and June 2016 was included, both in Portuguese and English languages, which were available in the free full text form. Out of a total of 6,909 articles found in the databases before the application of the filters, 28 were selected for final inclusion in the present study. The studies were carried out in four continents, reaching 16 countries, the majority being developed in Europe. The researches presented great variability in relation to the sample size, from 30 to 58,589 individuals, who were predominantly male, aged ≥ 40 years. It was concluded that the risk factors for exacerbation of COPD are: exacerbations in the previous year, advanced age, low body mass index, female gender, low forced expiratory volume in the first second, more severe COPD (GOLD III and IV classification) and lower quality of life.

    Keywords: Pulmonary Disease, Chronic Obstructive; Disease Exacerbation; Physical Therapy Specialty.

     

    SOBRE OS AUTORES

    1Acadêmica do Curso de Fisioterapia da Universidade de Caxias do Sul – RS
    2Fisioterapeuta. Mestre em Biociências e Reabilitação – IPA – RS. Docente da Universidade de Caxias do Sul – RS.

    Autor correspondente:

    Tatiane Paludo
    Endereço: Rua Wilson Tartarotti, 825, Primeiro de Maio, Farroupilha – RS. CEP:
    95180-000
    E-mail: [email protected]

    Deixe um comentário