Você esta em:
0800 602 2828 | WhatsApp (41) 99900-5734
    11-mar-2011 às 11:31

    Estudos dos Efeitos da Ginástica Laboral na melhoria da Dor e Aumento da Disposição para Realização de Atividades de Trabalho

    [addtoany]

    Study of the Labored Gymnastic Effects on Improvement of Pain and Disposition Increase to Work’s Activities

    Ariane Zamarioli1, Srah Fakher Fakhouri2, Antonio Barbosa3

    RESUMO

    As lesões provocadas por esforços repetitivos ou por postura inadequada durante as atividades relacionadas ao trabalho têm aumentado nos últimos anos, acarretando em altas despesas com assistência médica e pagamento de seguros, comprometendo a qualidade de vida dos trabalhadores. O objetivo
    deste estudo foi verifi car os benefícios da ginástica laboral na melhora da dor e disposição dos trabalhadores. Participaram da pesquisa 109 funcionários e, desses, 96 aderiram à prática da ginástica laboral compensatória cinco vezes por semana por 15 minutos durante quatro meses. Antes dessas sessões, 52%
    dos praticantes da ginástica laboral relataram que sentiam dores durante o desenvolvimento das atividades profi ssionais e apenas 3% continuaram relatando os mesmos sintomas álgicos. Um total de 97% dos participantes relatou aumento na disposição para o trabalho após a prática dos exercícios da ginástica laboral.
    Apenas 3% dos participantes não relataram aumento da disposição para o trabalho após período de ginástica laboral. Neste estudo, a dor lombar foi a queixa mais frequente entre os trabalhadores. Desta forma, a ginástica laboral quando bem orientada, reduz signifi cativamente as dores no tronco, membros superiores e membros inferiores. Além disso, a ginástica laboral é capaz de aumentar a disposição para o trabalho e diminuir os sintomas dolorosos durante as atividades profi ssionais. Sendo assim, foi possível verifi car os benefícios proporcionados pela ginástica laboral.

    Palavras-chave: Ginástica, Dor, Afeto.

    ABSTRACT

    The lesions caused by repetitive efforts or inappropriate posture during labored activities have increased in the last years, with high medical costs and health insurances, affecting the life quality of workers. The purpose of this study was to verify the effects of labored gymnastic on improvement of pain and disposition. We studied 109 workers, and 96 performed the compensatory labored gymnastic fi ve times a week for fi fteen minutes during four months. Before these sessions, 52% of the labored gymnastic workers refereed pain during the development of the professional activities and, only 3% remained feeling this symptom. Increase of disposition to the labored activities after the sessions of labored gymnastic was refereed by 97%  of all participants. Only 3% of participants did not referee an increase of disposition to labored activities after these sessions. In this study, the lumbar pain was the most considered algic symptom between the workers. Thus, the labored gymnastic, well performed, decreases the pain in trunk, upper limbs and lower limbs. Furthermore, the labored gymnastic increases disposition to work.

    Key words: Gymnastic, Pain, Affect.

    Sobre o Autor

    1. Fisioterapeuta, Mestre em Ciências da Saúde Aplicadas ao Aparelho Locomotor pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto – Universidade de São Paulo.
    2. Fisioterapeuta, Mestre em Ciências da Saúde Aplicadas ao Aparelho Locomotor pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto – Universidade de São Paulo.
    3. Fisioterapeuta, Professor do Centro Universitário Barão de Mauá, especialista em Ginástica Laboral.

    Recebido: 31/03/2010
    Aceito: 18/01/2011
    Autor para correspondência: Ariane Zamarioli
    E-mail: [email protected]

    Deixe um comentário