14-jan-2016 às 16:22

    ANÁLISE DA QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES COM DOENÇA PARKINSON

    [addtoany]

    A Doença de Parkinson (DP) é uma doença crônica e degenerativa do sistema nervoso central que resulta da morte de neurônios motores da substância negra, acarretando diminuição da dopamina na via negroestriatal.

    Analysis of quality of life in patients with Parkinson’s disease

    Luciana Dias Belchior 1, Betina Santos Tomaz 2,  Delijane Ponte Dias Aragão 3, Ingrid Correia Nogueira 4,  Maria Ayrtes Ximenes Ponte Colaço 5,  Maira de Oliveira Viana 6

    RESUMO

    Contextualização: A Doença de Parkinson (DP) é uma doença crônica e degenerativa do sistema nervoso central que resulta da morte de neurônios motores da substância negra, acarretando diminuição da dopamina na via negroestriatal. É caracterizada por quatro sinais clínicos clássicos como o tremor de repouso, rigidez, bradicinesia e instabilidade postural. Objetivo: Analisar a qualidade de vida dos pacientes acometidos por DP Metodologia: Estudo transversal de caráter quantitativo realizado na Universidade de Fortaleza – UNIFOR, no período de janeiro a Março de 2014. Para mensuração da qualidade de vida foi utilizado como instrumento o WHOQOL-BREF em 12 pacientes com DP. Resultados: Os doze pacientes (seis do sexo feminino, e seis do sexo masculino), apresentaram idade média de 69,2 ± 11,3. Todos os indivíduos avaliados apresentaram déficits mensurados pelo WHOQOL-BREF. Verificou-se que os domínios mais acometidos foram o domínio físico com 51,4 ±  20,8 e o domínio ambiental com 59,6 ±14,9. Conclusão: Pacientes com doença de Parkinson apresentaram comprometimento na qualidade de vida, podendo ser explicado pelas manifestações clínicas provocadas pela doença, que causam danos em sua independência e autonomia.

    Palavras-chave: Doença de Parkinson, qualidade de vida, fisioterapia.

    ABSTRACT

    Background: Parkinson Disease (PD) is a chronic degenerative disease of the central nervous system that results in the death of motor neurons in the substantia nigra, resulting in decreased dopamine in the nigrostriatal pathway. It is characterized by four classic signs such as resting tremor, rigidity, bradykinesia and postural instability. Objective: To analyze quality of life of patients affected by PD. Method: Cross-sectional and quantitative survey developed at the Universidade de Fortaleza – UNIFOR, on January to March, 2014. To measure quality of life, the instrument used was the WHOQOL-BREF. Twelve patients with PD participated in this research. Results: This research include twelve patients (six females and six males) with average age of 69.2 (± 11.3) years old. All subjects evaluated had deficits measured by WHOQOL-BREF. It was found that the most affected domains were physical with 51.4 (± 20.8) scores and the environmental with 59.6 (± 14.9) scores. Conclusion: Patients with Parkinson’s Disease had impaired quality of life, that may be explained by the clinical manifestations of this disease, causing damages to their independence and autonomy.

    Keywords: Parkinson Disease. Quality of Life. Physiotherapy

    SOBRE O AUTOR

    1. Fisioterapeuta, Doutora em Farmacologia Clínica e Docente do Curso de Fisioterapia da Universidade de Fortaleza (UNIFOR)

    2. Discente do curso de Fisioterapia pela Universidade de Fortaleza

    3. Fisioterapeuta, Graduada pela Universidade de Fortaleza

    4. Fisioterapeuta, Doutoranda em Ciências Médicas pela Universidade Federal do Ceará (UFC)

    5. Fisioterapeuta, Diretora da Faculdade Inspirar de Fortaleza, Docente do Curso de Fisioterapia da Universidade de Fortaleza

    6. Fisioterapeuta, Doutoranda em Ciências Médicas pela Universidade de São Paulo

    AUTOR CORRESPONDENTE

    Luciana Dias Belchior
    Av.Washington Soares, 1321, Edson Queiroz – Fortaleza-Ce.
    E-mail: [email protected]

    Deixe um comentário