05-nov-2010 às 09:58

    Análise da Qualidade de Vida de Idosos Antes e Após Intervenção Fisioterapêutica

    [addtoany]

    Elderly quality of life analysis before and after physical therapy intervention

    Lucas Lima Ferreira¹

    A Qualidade de Vida (QV) tem sido preocupação constante do ser humano, desde o início de sua existência e, atualmente, constitui um compromisso pessoal à busca contínua de uma vida saudável, desenvolvida à luz de um bem-estar indissociável das condições do modo de viver.
    Resumo:

    A Qualidade de Vida (QV) tem sido preocupação constante do ser humano, desde o início de sua existência e, atualmente, constitui um compromisso pessoal à busca contínua de uma vida saudável, desenvolvida à luz de um bem-estar indissociável das condições do modo de viver. Medir QV na velhice é um processo difícil, não só por causa da complexidade e subjetividade da temática, mas também, por causa da heterogeneidade da velhice. Este estudo teve por objetivo observar através de questionário pré-elaborado, a análise da QV em idosos, freqüentadores de um Centro de Convivência do Idoso (CCI) da cidade de Fernandópolis, antes e após estes serem submetidos a atuação fisioterapêutica preventiva, e, desta forma, verificar a necessidade ou não de um fisioterapeuta nestes locais de integração de idosos. Tratou-se de uma pesquisa de campo, à luz da abordagem quantitativa, na qual a população analisada incluiu nove idosos de ambos os sexos, sendo utilizado como instrumento de coleta de dados um questionário reconhecido na literatura científica, denominado Short Form 36 (SF-36). Como resultado, foi verificado melhora em todos os domínios avaliados após as intervenções fisioterapêuticas, sendo mais significativo o domínio limitação por aspecto físico, que antes das intervenções fisioterapêuticas apresentou escores baixos (22,2), e depois da intervenção, esse escore teve aumentos significativos (52,6). Conclui-se que é de fundamental importância à presença do fisioterapeuta no atendimento a grupos de idosos, com foco em prevenir o aparecimento de doenças, retardar o processo fisiológico de envelhecimento e melhorar a QV desta população.

    Palavras-chave: Qualidade de vida, Idoso, Questionários.

    Abstract:
    The Quality of Life (QV) has been constant concern of humans since the beginning of its existence, and currently, is a personal commitment to the continuing search for a healthy life, developed in light of well-being inseparable from the conditions of mode to live. Measuring QV in old age is a difficult process, not only because of the complexity and subjectivity of the subject, but also because of the heterogeneity of old age. This study aimed to observe through pre-prepared questionnaire, the analysis of QV in elderly people who attend an Elderly Community Centre (CCI) of the city of Fernandópolis before and after they are undergoing physical therapy preventive action, and this way to verify the necessity of a physical therapist at these sites of integration of the elderly. It was a field survey in the light of the quantitative approach, in which the study sample included nine patients of both sexes, being used as an instrument of data collection a questionnaire recognized in the scientific literature, called the Short Form 36 (SF-36). As a result, improvement was seen in all areas evaluated after the physical therapy interventions, with the most significant aspect of physical limitation domain, which before the physical therapy interventions had lower scores (22.2), and after the intervention, this score had significant increases (52.6). We conclude that it is of fundamental importance to the presence of the physiotherapist in care to older age groups, with a focus on preventing the onset of diseases, retard the physiological aging process and improve the QV in this population.

    Key-words: Quality of life, Elderly, Questionnaire.

    Sobre os Autores
    1 – Lucas Lima Ferreira

    Deixe um comentário