Volta para o Início

Extensão > Presencial

GOZO, SINGULARIDADE E ESTILO NA PSICANÁLISE - BRASILIA / DF

Início em 24/04/21

*Curso presencial podendo ser substituído por aulas remotas devido a decretos por conta da pandemia do
covid-19. Para os cursos 100% práticos, possibilidade de transferência de data devido a decretos.

240x112
O gozo é uma noção central na teoria e na clínica psicanalítica. Esta noção foi nomeada por Lacan, a partir do que Freud desenvolveu e apresentou em seu texto Mais além do principio do prazer. A noção de gozo na teoria psicanalítica se articula de variadas formas ao corpo, à economia pulsional, à repetição, ao traço singular de cada sujeito, ao estilo. Para Lacan o estilo surge como um saber fazer com o gozo irredutível de cada um, como a letra de cada sujeito, sua forma autoral de ser e estar no mundo e nas relações. Do trabalho analítico com o que se repete, sintomaticamente em cada sujeito, há que se extrair um autor da história individual de si mesmo.
Matrículas abertas Início das aulas em 24/04/21
Duração 15 Horas
Nível Aprimoramento
  • - Desejo e gozo - diferenciações e articulações;
    - A noção de gozo no Mais além do princípio do prazer;
    - A formalização da noção de gozo feita por Lacan;
    - A representação e o irrepresentável;
    - O traço singular e a letra de gozo;
    - O estilo como recurso de autoria;
    - As invenções de si.

* A avaliação referente aos conteúdos ministrados e demais recursos utilizados ao longo das aulas, será realizada no último dia do curso.

Diferenciais

240x112

Estrutura Diferenciada

Pensada para oferecer o melhor para o seu conhecimento.

240x112

Professores de Referência

Referência e Conhecimento Prático dentro de sala de aula.

Mais Informações

24 e 25 de Abril de 2021.

- Sábado: 8h às 18h
- Domingo: 8h às 13h

*A Faculdade Inspirar se reserva ao direito de cancelar o curso caso não atinja o número mínimo de alunos para o início da turma.

  • Psicologia

Professores

A Faculdade Inspirar se reserva ao direito de substituir qualquer um dos professores do quadro docente, em função de impedimento gerado por força maior, podendo ser substituído por outro profissional com a mesma qualificação técnica e titulação acadêmica.